Apartamento T3 – 105 m2 – para recuperar – vista rio – Cruz Quebrada

267.500€

Descrição

Apartamento T3 – 105 m2 – devoluto de pessoas e bens – para recuperar(interior) – prédio em bom estado – ano 1977 – 2 entradas independentes – vista rio – Cruz Quebrada, possui 2 marquises, 2 wc (serviço e completo), orientação solar nascente/poente, pátio comum aos moradores, enorme potencial para remodelar ao seu próprio gosto/necessidade.

As potencias hipóteses (entre outras) possíveis para remodelar :
Unir a divisão sala com a divisão cozinha;
Estender a sala com a divisão lateral, e aproveitar a varanda com vista rio que percorre as duas divisões;
Devido ao bom tamanho da casa de banho poderá ser transformada em suite;
Áreas : Hall de entrada com 4 m2, cozinha com 14 m2, sala com 17 m2, quarto 1 com 11 m2, quarto 2 com 12 m2, quarto 3 com 13 m2 (roupeiro embutido), wc 1 com 2 m2 – de serviço com base de duche, wc 2 com 6 m2 – completa, janela, banheira, 2 marquises com 4 e 6 m2.
Dista a:
220 metros do Eixo Verde e Azul
400 metros da Faculdade Motricidade Humana
500 metros do Parque do Jamor
700 metros da estação de comboios
750 metros da praia da Cruz Quebrada
Piso : 1º andar (ao nível de um 2º andar).
Condominio : 63,05 € (trimestral).
Nota: Oferta da Escritura.
Cruz Quebrada é um pequeno lugar da freguesia de Algés, Linda-a-Velha e Cruz Quebrada/Dafundo, em Oeiras, Grande Lisboa. Conhecida pelo seu grande parque no vale do Rio Jamor junto à sua foz, que acolhe a Faculdade de Motricidade Humana, o Estádio de Honra e o Centro Desportivo Nacional do Jamor. Junto ao Estuário do Tejo situa-se a Estação da Cruz Quebrada e o Passeio Marítimo, aqui começa o Eixo Verde e Azul, o passeio ao longo do Rio Jamor também com ciclovia.
Esta localidade situa-se junto ao vale do Rio Jamor e próximo de uma ponte de pedra onde existiam duas cruzes, uma das quais partida, daí a origem deste topónimo que, segundo alguns autores, é referenciado pela primeira vez em 1760.

Localização

Partilhar este imóvel

Share